Casal Tendencia

Como se vestir bem: as 15 regras que todos os homens devem aprender

today6 de fevereiro de 2022 2523 1 5

Background
share close

Existem regras suficientes na vida como ela é. Alguns, no entanto, estão lá para ajudar. Como as regras que regem como se vestir bem. Claro, todo homem ou mulher que tem uma opinião sobre essas coisas fala por experiência própria – e sem dúvida o que funciona para um nem sempre funciona para outro; ou o que funciona para um é considerado muito pedestre ou muito vanguardista por outro. Então, quando se trata de se vestir, eles sempre devem ser tomados pelo valor de face. São sugestões sólidas e não a última palavra sobre estilo.

 

Mas um bom conselho nunca deve ser desprezado e, à medida que a moda masculina se torna cada vez mais rica e variada, cada vez mais experimental e abundante, cada vez mais atenta às tendências, em momentos de confusão e dúvida um bom conselho pode elevar o seu nivel

 

Essas “regras” tendem a ser fundadas na história – elas funcionaram por gerações, então pode-se supor que funcionem bem hoje também. E eles tendem a se basear no óbvio, tão óbvio que muitas vezes são esquecidos: uma preferência por bom ajuste, alta qualidade, versatilidade, bom valor, falta de extremos e mantê-lo sóbrio.

 

Certamente existem muitas outras regras por aí além das apresentadas aqui. Alguns deles você pode já ter descoberto por si mesmo. Isso, afinal, faz parte do prazer da roupa, que nenhuma regra deve atrapalhar: experimentar um novo kit, ver se combina com você, ver como você se sente. Mas essas regras resistiram ao teste do tempo e, quando usadas em conjunto, funcionam como um guia à prova de falhas sobre como se vestir bem hoje.

 

 

  1. VISTA BEM UM TERNO

A chave para um terno com boa aparência é o ajuste. Se você está comprando de imediato, concentre-se no ajuste nos ombros, porque alterar o peito e a cintura é um trabalho relativamente fácil, de acordo com Davide Taub, chefe de ternos sob medida do alfaiate Gieves & Hawkes de Savile Row. “Seja cauteloso ao usar um traje de época, a menos que você esteja buscando uma aparência total de período, porque, isoladamente, o traje começa a parecer uma novidade”, acrescenta. Clássico é o melhor e mais útil – escuro, com dois botões, trespassado, moderado em detalhes. “Não é chato. Um terno é um uniforme. A ideia é pensar nesse traje como uma tela para construir diferentes ideias de individualidade ao redor. É a maneira como você usa, não a etiqueta dentro, que impressiona.”

  1. INVISTA COM SABEDORIA EM UM RELÓGIO

“Um relógio é como uma obra de arte”, argumenta Don Cochrane, diretor administrativo da marca britânica de relógios Vertex. “Escolha porque você ama, não porque acha que pode ganhar dinheiro. Os relógios são pessoais, marcam a sua passagem no tempo. Mas você também tem que ser prático.” Modelos esportivos estéticos, funcionais e robustos combinam com qualquer coisa e podem suportar os impactos do uso diário. No entanto, um relógio ainda tem que caber em você. Deve ser confortável e estar certo em termos de tamanho e profundidade em relação ao seu pulso – 40 mm é considerado o tamanho “Cachinhos Dourados”.

  1. NÃO FUJA DA COR

Seja em roupas casuais ou formais, delicie-se com um pouco de cor. “A maioria dos homens tem medo injusto disso – eles ficam intimidados por qualquer coisa que não seja azul marinho ou cinza”, diz o designer de moda masculina Oliver Spencer. “Mas a cor também pode ser atemporal.” Um terno verde, por exemplo, pode parecer particularmente libertino, enquanto Spencer também recomenda rosas, verdes, mostarda e tons mais brilhantes de azul como tons especialmente versáteis durante todo o ano que vão levantar toda a sua roupa. Mas acrescenta que, quando se trata de cor, menos ainda é mais: “Você só precisa de um pouco disso, em uma peça de roupa”.

  1. USE SEUS JEANS ATÉ QUE SEJAM SEUS

O corte mais útil de todos os tempos da peça de vestuário mais popular do mundo, de acordo com Alex Mir, co-proprietário da grife Forge Denim, com sede em Sheffield, é “slim-tapered”. “É mais largo na coxa, por isso é confortável, mas estreito, por isso funciona com sapatos ou tênis inteligentes”, aconselha. “É o melhor estilo durante todo o ano, usar com qualquer coisa, vestir-se para cima ou para baixo.” O sábio também usará jeans escuro e cru e dará ao pré-aflito um amplo espaço. “Todo o prazer do jeans é que ele envelhece com a maneira como você o usa. Por que perder isso?”

  1. CUIDE DA SUA APARÊNCIA

É o tipo de conselho que sua mãe pode oferecer, mas se você investiu dinheiro e pensou em suas roupas, cuide delas. Use cabides de madeira para camisas e sapateiras para seus melhores sapatos; ter seu terno lavado a seco e passado; lave suas roupas regularmente e, idealmente, não as seque na máquina (pode degradar o tecido); e engraxe seus sapatos. Da mesma forma, não é apenas a pele da sua jaqueta de couro que você precisa cuidar, o mesmo vale para a que você usa todos os dias. Estabeleça um regime de cuidados simples, mas não menos sólido, escove o cabelo e corte as unhas. Afinal, o diabo mora nos detalhes.

  1. MANTENHA SUA ROUPA INTIMA SIMPLES

Estilo não é apenas o que todo mundo pode ver. Quando se trata de roupas íntimas masculinas, há duas regras a seguir. Primeiro, estampas de novidade não são para homens adultos – “sua roupa íntima não é o lugar para expressar sua ‘personalidade’”, como observa a fabricante de camisas e roupas íntimas Emma Willis. E, dois, roupas íntimas de marcas fortes carecem de sofisticação. “De todos os lugares onde você pode ter a confiança de não ter uma marca, sua roupa íntima deve ser isso”, acrescenta Willis. O estilo que melhor resistiu ao tempo, é claro, é o boxer de algodão, provavelmente porque (como é o caso do linho) leva várias lavagens, respira bem e é confortável contra a pele.

  1. GASTAR DINHEIRO EM SAPATOS

“A atemporalidade tem a ver com design simples e ainda mais com sapatos”, argumenta Tim Little, proprietário da marca de calçados Grenson. “A cor, o padrão, a sola – você não quer que seja exigente. Qualquer coisa exigente pode parecer boa agora, mas ficará estranha muito rapidamente.” Sapatos de qualidade – o padrão ouro sendo exemplos resoleáveis ​​da Goodyear – são o tipo de investimento que deve durar 15 anos ou mais. Opte por estilos clássicos, como brogues, mocassins ou um Derby simples, escuro e de cinco ilhós em um dedo do pé redondo, mas não se esqueça de encontrar também meias de qualidade. “É o formato do dedo do pé que realmente conta – e redondo nunca sai de moda”, diz Little. “São dedos pontudos ou quadrados que parecem obviamente impraticáveis. Ninguém tem pés assim.”

 

  1. DE OLHO NOS ACESSORIOS

Acessórios como gravatas e lenços de bolso trazem individualidade às roupas clássicas, mas tome cuidado ao usá-los. “É melhor harmonizá-los com o que você está vestindo escolhendo uma ou duas cores. Ou até mesmo para justapô-los inteiramente”, diz Michael Hill, diretor criativo da marca de acessórios masculinos Drake’s. “O que você não quer é combiná-los.” Quando se trata de selecionar combinações de camisa e gravata, use sua gravata ou lenço de bolso em um tom mais escuro do que sua jaqueta. E não exagere nos acessórios – na dúvida, pense que menos é mais e tire um elemento. “Você está buscando um ar de indiferença”, acrescenta Hill. “Você só precisa de um ponto de interesse.” a palavra chave é “editar” para nao ficar over.

 

  1. CONHEÇA A SI MESMO

Há poucas coisas menos elegantes do que um homem vestido como ele acha que deveria se vestir e não com o que ele realmente sente que combina com quem ele é. Há ressalvas para isso, é claro: não há prêmios para se vestir como um palhaço de rodeio, a menos que você seja um. Mas o que quer que você esteja vestindo, você tem que possuir. Ícones de estilo genuínos são aqueles que seguem seu próprio caminho com uma autoconfiança que vem de suas roupas serem uma segunda pele, não uma fantasia.

  1. VESTIDO PARA A OCASIAO

Estilo não é meramente sobre auto-expressão; é também estar vestido adequadamente para o seu ambiente. Pense nas roupas como códigos: você precisa da combinação certa para trabalhar com o ambiente em que está – e isso é um jantar formal ou um domingo preguiçoso no clube. O pior estilo é aquele que está fora do lugar. Isso é um tipo de conformidade? Não, como explica uma das citações de moda de Tom Ford, é uma marca de respeito pelos outros. E sobre se sentir confortável em si mesmo. Na dúvida, exagere.

  1. NÃO economize nos óculos

Invista tempo para encontrar os óculos certos para você. “As pessoas gastam em média sete minutos escolhendo um par que as definirá pelos próximos três ou mais anos”, observa o designer de óculos Tom Davies. “Má escolha e ajuste inadequado são o motivo pelo qual tantas pessoas aprendem a odiar seus óculos.” Compre o que você se sente bem, levando em consideração o formato do seu rosto, mas considerando a linha superior da armação em relação ao formato da sobrancelha – combine reto com reto, curvo com curvo – e seu penteado. Compre com sabedoria também, diz Davies: não faz sentido comprar armações baratas e vender lentes caras porque as armações ficarão surradas em breve de qualquer maneira.

  1. ESCOLHA ROUPAS VERSÁTEIS

A tentação pode ser usar um estilo clássico, mas tecidos técnicos modernos em tons mais escuros e cortes fáceis estão tornando os casacos o que deveriam ser – leves e respiráveis, mas também adequadamente protetores. “Mudanças na sazonalidade, no clima e nos hábitos de compra estão fazendo com que casacos de lã pesados ​​pareçam fora de moda agora”, sugere Adam Cameron, proprietário do especialista em agasalhos The Workers’ Club. “Pense em um casaco como sendo sua camada final – uma que você pode usar tanto ou tão pouco quanto necessário.” Uma jaqueta de campo ou jaqueta bomber é um bom polivalente, mas se você precisar se vestir, escolha um mac curto.

  1. COMPRE UM TERNO DE JANTAR, NUNCA ALUGUE

Ocasiões para a altura do vestir formal podem ser raras, mas são ainda mais exigentes por isso. Portanto, embora pareça uma extravagância, possuir um terno de jantar que caiba em você, em vez de contratar um, faz mais sentido após anos de uso. “Com a contratação, há sempre o risco de o usuário parecer quase infantil enquanto está vestido com um conjunto grande e quadrado”, alerta Toby Lamb, diretor de design da grife de alfaiataria contemporânea Richard James. Tenha um terno de jantar o mais clássico possível: em azul meia-noite, trespassado, com lapelas de cetim e costuras de calças. E nem é preciso dizer que você deve aprender a amarrar uma gravata borboleta.

  1. COM CAMISAS, MANTENHA OS CLÁSSICOS

“Parece bobo”, diz James Cook, chefe de confecção de camisas sob medida da Turnbull & Asser, “mas qualquer camisa masculina pode parecer cara se for bem passada”. Mesmo assim, Cook é cuidadoso com os detalhes. Trace uma linha do meio, ele recomenda: evite estilos ousados, a menos que você ache que pode levá-lo, e, para uma gola que funcione com ou sem gravata, e que sempre fique bem embaixo de uma jaqueta, opte por um semi-corte.

  1. SAIBA QUANDO QUEBRAR AS REGRAS

Saiba quando aderir a códigos de vestimenta, como gravata preta, e saiba quando quebrá-los. Alguns estão lá por uma boa razão, geralmente porque a ocasião exige ou alguma autoridade superior – seu chefe, talvez – espera. Mas, da mesma forma, como observa Drakes’ Hill, “também podemos ficar muito preocupados com as regras, e sempre há um caso para quebra-las”. Afinal, é assim que o estilo avança, pouco a pouco. “Aproveite a liberdade que existe agora para cometer erros.”

 

Written by: Evandro Maia & Leo Santos

Rate it

Previous post

Club Deejay

DJ Daiana Camargo

No Club DJ recebemos está semana a DJ Daiana Camargo, que tem 33 anos, nascida em Itu, conhecida por todos pelo seu carisma e pelo excelente som pesado com muita paixão no Tribal House. DJ Daiana Camargo começou cedo, com apenas 15 anos de idade na carreira de DJ e teve seus desafios como todo os profissionais têm, e nos contou que o dela foi a locomoção para cidades da […]

today5 de fevereiro de 2022 1249 2 2

Post comments (0)

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

0%